Arquivo da categoria: Atividades

Curso na UFF: Do galego ao português (e vice-versa)

Curso lecionado pelo professor da UFF Xoán Lagares. Terá lugar todas as QUINTAS FEIRAS (dias 1, 8, 22 e 29 de junho, e 6 de julho) das 14h ÀS 16h na SALA 214, BLOCO C, DO INSTITUTO DE LETRAS (UFF)

Objetivos

Oferecer alguns elementos para tentar compreender a situação sociolinguística da língua galega hoje.

Mostrar as principais diferenças entre as falas galegas e o português brasileiro, de modo a possibilitar o diálogo de alunos brasileiros com enunciados escritos e orais em língua galega.

Programa

1.- A formação histórica do sistema galego-português e a construção das línguas nacionais.

2.- O conflito linguístico na Galiza: as esferas do conflito.

3.- As variedades dialetais do galego e o problema normativo.

4.- Noções de fonética e fonologia: sistema vocálico e sistema consonântico.

5.- Noções de morfossintaxe e de léxico.

18664178_2029088240564870_4568584323247380831_n

Anúncios

As relações entre o galego e o português do Brasil. Curso de extensão na UERJ!

A partir da próxima semana o professor-leitor galego da Universidade de Viçosa, Diego Bernal, dará o curso de extensão “As relações entre o galego e o português brasileiro” na Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

O curso acontecerá nos dias 7, 8 e 9 de dezembro de 14:00 a 16:00 horas no Mini-auditório da Pós-Graduação em Letras.

As inscrições podem se realizar na Sala do Programa de Estudos Galegos ou através do email proeg.rj@gmail.com

Diego Bernal foi entre os anos 2011 e 2013 professor-leitor de língua, literatura e cultura galega na Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

15289272_732629200246896_8374226952607966464_o.jpg

“A imagem de Portugal na Galiza” em Lisboa o próximo 29N

O CEG (Centro de Estudos Galegos) da Universidade Nova de Lisboa organiza mais uma atividade neste ano 2016 no quadro dos (Des)Encontros galego-portugueses. Se no dia 3 de novembro se falou dos baldios e o mão comum com o documentário “En todas as mans” agora é o momento de conversar com o professor doutor Carlos Quiroga Díaz da Universidade de Santiago de Compostela, quem estará em 29 de novembro em Lisboa apresentando o seu novo livro “A imagem de Portugal na Galiza”. Aliás, também se falará de literatura galega e portuguesa e o professor atenderá gostosamente as questões que desejem formular os assistentes. A não perder!
15152534_1074624059317329_475652722_o.jpg

III Semana do Audiovisual Galego no Rio de Janeiro

A semana próxima terá lugar na Universidade do Estado do Rio de Janeiro a III Semana do Audiovisual Galego. As sessões acontecerão na segunda-feira dia 21 e a quarta-feira dia 23 no Salão Nobre. Entre as atividades, os e as assistentes poderão presenciar diferentes palestras e mesas redondas , assistir curtametragens, videoclips musicais, e também leitura de poemas.

Podem ver o programa inteiro de atividades no seguinte cartaz:

15123217_726339297542553_5923084084523749230_o.jpg

25 de outubro, foliada galega no Rio de Janeiro

A próxima terça-feira 25 de outubro terá lugar no Lapa Irish Pub do Rio de Janeiro uma foliada galega com as bandas Xuntos (Montevideu) e Folcarioca (Rio de Janeiro). A partir das 20:30, na rua Evaristo da Veiga 147.
Xuntos e Folcarioca prometem uma noite de muita música e dança tradicional galega!
Entrada franca.
Uma foliada era e é uma festa onde as pessoas se reúnem para tocar, cantar e dançar.

Curso na UFF: A peregrinação a Santiago de Compostela

Todas as segundas-feiras do dia 03 de outubro até o 7 de novembro terá lugar na Universidade Federal Fluminense o curso de extensão A peregrinação a Santiago de Compostela, ministrado pela medievalista Maria do Amparo Tavares Maleval.

O curso de extensão acontecerá na sala 212/c da Universidade e as inscrições podem se fazer através do email nueguff@vm.uff.br ou de ozoriouff@gmail.com.

obj225geo581pg9p2

Maria do Amparo Maleval possui doutorado em Letras (Literatura Portuguesa) pela Universidade de São Paulo (1982), com tese sobre a retórica de Fernão Lopes, e estágios de pós-doutorado na Fundação Calouste Gulbenkian como bolsista (Lisboa, 1983), na USP (1989-1990) e na UNICAMP (2006-2007, com bolsa PDS do CNPq). Professora aposentada da UFF, onde continua a colaborar com o NUEG-UFF (Núcleo de Estudos Galegos), que criou e dirigiu por vários anos, aposentou-se recentemente da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, como professora associada. Nesta Universidade, a par das suas atividades docentes, foi pesquisadora do Prociência e desempenhou várias funções administrativas. No âmbito da extensão e das relações internacionais, criou e coordenou (1988-2012) o Programa de Estudos Galegos e seu Leitorado mantido através de convênio com a Xunta de Galicia; bem como coordenou a parte brasileira do Projeto de Cooperação Internacional UERJ (CAPES) / Universidade da Corunha (MECD) sobre “O processo de emergência lingüística e literária na Galiza e no Brasil’, em 2003-2004 e 2008-2010. É atualmente Pesquisadora Visitante da UERJ (abril de 2016 a março de 2018), colaboradora voluntária do Programa de Estudos Medievais da Universidade Federal do Rio de Janeiro, membro de GT de Estudos Medievais da ANPOLL, que coordenou da sua criação em 2005 até 2008, e sócia-fundadora da Associação Brasileira de Estudos Medievais, que presidiu de 2005 a 2009. É autora, dentre outros títulos, de “Rastros de Eva no imaginário ibérico” (Santiago de Compostela: Laiovento, 1995), “Peregrinação e poesia” (Rio de Janeiro: Ágora da Ilha, 1999), “Poesia medieval no Brasil” (Rio de Janeiro: Ágora da Ilha, 2002), “Maravilhas de São Tiago” (Niterói: EdUFF, 2005) e “Fernão Lopes e a retórica medieval” (Niterói: EdUFF, 2010). Dirige, na EdUFF, as séries Estudos Galegos e Estante Medieval. Participa(ou) do corpo editorial de vários periódicos, dentre os quais Signum (ABREM), Matraga (UERJ), Labirintos (UEFS), e Mirabilia (UFES). As pesquisas que vem desenvolvendo nos últimos quinze anos relacionam-se às Atualizações da Idade Média nas literaturas galega, portuguesa e brasileira (na poesia, na prosa e no teatro) e, mais recentemente, aos procedimentos retóricos da literatura medieval galego-portuguesa. Relacionadas com essas pesquisas, desenvolveu dezenas de orientações no correr dos anos: 20 Iniciações Científicas, 4 monografias de Especialização, 21 dissertações de Mestrado, 7 teses de Doutorado e 6 Supervisões de Pós-Doutorado. No momento orienta 1 dissertação de Mestrado, 2 teses de Doutorado e supervisiona um estágio de Pós-Doutorado.

14202571_1873270642813298_5138852741350186386_n-1

Palestra na UERJ: Aproximação à antroponímia galega do s. XVIII até hoje

A próxima segunda-feira dia 12 terá lugar na Universidade do Estado do Rio de Janeiro a palestra Breve aproximação à antroponímia galega do século XVIII até hoje ministrada pelo doutorando em linguística da Universidade de Santiago Guillermo Vidal.

A atividade acontecerá no Miniauditório da Pós-graduação do Instituto de Letras às 12:00 horas.

13063477_10207232775120897_1347154603844825660_o.jpg

Guillermo Vidal é graduado em Letras Galego pela Universidade de Santiago de Compostela. Fez  o Mestrado de professorado de ensino de língua e literatura galega pela Universidade da Coruña. Foi professor de práticas no curso Galego sen fronteiras 2015 organizado pela Real Academia Galega e o Instituto da Língua Galega. Atualmente faz o seu doutorado no programa de Linguística da Universidade de Santiago de Compostela, sendo a onomástica a parte central da sua pesquisa.

Dia Nacional da Galícia em Salvador de Bahia

A próxima segunda-feira dia 25 de julho é o Dia Nacional da Galícia. Na Universidade Federal da Bahia, para comemorá-lo, terá lugar, a sala de videoconferências PAFII a seguinte atividade:

  • Palestra sobre o Dia da Galicia e o caminho de Santiago a cargo de Luciano Santos Borges, da Associação Bahiana de Amigos do Caminho de Santiago.
  • Projeção do documentário Afranio, de Víctor Coyote (2009), sobre como o deputado Alonso Ríos tenta fugir pela ribeira do Minho no início da Guerra Civil espanhola.

Feliz Dia Nacional da Galícia a todas e todos os leitores do Quilombo Noroeste!

13719626_585344144986594_8922525991391858925_o.jpg

Atividade no Paraná. Galego, Português e Brasileiro: semelhanças e contrastes.

A próxima quinta-feira 9 de junho terá lugar na Universidade Federal do Paraná, em Curitiba, a atividade Galego, Português e Brasileiro: semelhanças e contrastes, organizada pelo Grupo de Pesquisa em Intercompreensão em Línguas Românicas FLORES-UFPR.  Participarão como palestrantes os professores da Universidade de Santiago Henrique Monteagudo e Rosario Álvarez, e o ato será apresentado pelo professor e linguista Carlos Alberto Faraco.

A atividade começará às 16:30 horas no Anfiteatro 1100 do edificio Dom Pedro I.

13320770_1122044857815756_8354029750920541958_o (1)

Curso sobre “Que me queres, amor?” de Manuel Rivas na UFF de Niterói

A passada terça-feira 31 de maio começou na Universidade Federal Fluminense de Niterói o Curso de extensão Que me queres, amor? De Manuel Rivas, ministrado pela professora da UFF Susana Álvarez Martínez.

Este curso terá lugar todas as terças-feiras do mês de junho das 14:00 às 16:00 horas, na Sala 214C do Instituto de Letras.

13319745_1820280174779012_8900453245448075658_n.jpg